Risoto de Espinafre e Palmito


E ai pessoal , tudo bem?
Esses dias, vi na UOL, uma receita de um peixe (pescada amarela) com um risoto primavera, feita pelos chefs do restaurante Famiglia Mancinni.
Eu achei demais. Fiquei com vontade de fazer essa receita, mas não tinha os ingredientes aqui.

Mais uma vez, fiz com o que tinha em casa, tentando, fazer uma receita mais light.

Vamos lá:

Ingredientes:
- Pouco mais de uma xícara de arroz para risoto (Arbóreo)
- 1 cebola pequena
- 3 a 4 dentes de alho picados
- Meio maço de espinafre (era um maço médio,)
- 2 palmitos picados bem pequenos
- 1 1/2 caldo de legumes, dissolvido em 1 litro de agua (aprox.)- 2 colheres de manteiga
- Azeite, sal e pimenta

Modo de fazer:
Lave bem o espinafre, escorra e pique bem. Reserve.
Numa panela grande, refogue alho e a cebola no azeite e 1 colher de manteiga.
Depois, crescente o arroz (lavado e escorrido) e refogue mais um pouco.
Coloque um pouco do caldo (de preferência ainda fervente), misture.  Acrescente o palmito,  o espinafre picado e  pimenta do reino à gosto. 

Há receitas que mandam ficar mexendo o risoto o tempo todo, outras não.
Como não sei qual é a maneira correta, fiquei com a panela aberta, mexendo de vez em quando, pra não grudar.
Quando o arroz começa a secar, acrescente mais caldo e assim por diante, até o arroz cozinhar (ou cozer) bem. Caso precise, coloque um pouco de água pra terminar o cozimento. 
Acerte o sal, se necessário. *

Quando estiver praticamente pronto, coloque a outra colher de manteiga e o queijo.
Eu coloquei um pouco de salsinha nessa hora.
Sirva ainda quente

Está pronto!

* Usei bem pouco sal. O caldo, manteiga e o queijo, já são salgados.

Ficou muito bom!

Espero que gostem...

Até a próxima


Tempo de preparo: Em torno de 30 minutos
Trilha sonora:  89 FM, a rádio Rock


P.S: Esse texto pode conter alguns erros,  pois, não passou pelo departamento de revisão.



Comentários

  1. Nham nham... Vou tentar. Nunca acerto risoto. Mas esse vale qualquer acidente. Amo espinafre. Bjo Bob

    ResponderExcluir
  2. Ah, melhor não lavar o arroz não, vai por mim.

    ResponderExcluir
  3. Uma dica, na verdade duas. Não, três.

    Primeira (e mais básica): o arroz aceita qualquer coisa que tenha gosto forte. Pode ser cogumelo escuro, pode ser limão e laranja (usando suco e raspas da casca), pode ser queijos, vinho tinto, frutos do mar etc. Dá para variar sempre, só mudando o ingrediente final.

    Segunda dica, menos básica: fica mais gostoso (e é mais tradicional) se o primeiro líquido a juntar no arroz for um copo (uns 120 ml) de vinho branco, que se deixa evaporar um pouco antes de começar a pôr o caldo. Mas se não tiver vinho, ok.

    Terceira dica, nada básica: o risoto se transforma em um prato super nutritivo e 100% tradicional se o caldo for feito em casa (ferver por umas 4 horas, em um panelão, uns 5 litros de água com a base de salsão, cebola e cenoura, podendo acrescentar coisas do tipo carcaça de frango, pé de boi, um pedaço de carne pra sopa ou, se o risoto for do mar, cabeça de peixe, casca de camarão etc.). Depois coar tudo e pronto, o caldo está pronto para ser usado.

    Fazer o caldo não é caro nem muito trabalhoso (não precisa ficar picando, é só jogar os pedações na panela e deixar ferver), mas precisa ser feito com algumas horas de antecedência (dá para fazer um dia antes e guardar na geladeira, dá para congelar também), precisa comprar os ingredientes, ter o panelão etc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ótimas dicas Arnaldo!
      Sempre que posso faço caldo em casa. É muito mais nutritivo e saboroso.
      Tenho um panelão bom pra isso.. :)

      Abração

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas